Para quem já é ou quer ser empresário, o Sebrae – Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná é a opção mais fácil e econômica de obter informações e conhecimento. Criado na década de 70, o Sebrae apoia as decisões dos empresários, dos potenciais empresários e dos potenciais empreendedores, no campo e na cidade.

É a instituição que entende de pequenos negócios e possui a maior rede de atendimento do País.

No Paraná, conta com seis regionais e 19 escritórios. A instituição chega aos 399 municípios por meio de Pontos de Atendimento ao Empreendedor, Salas do Empreendedor e parceiros locais, como associações, sindicatos, cooperativas, órgãos públicos e privados. O Sebrae/PR oferece palestras, orientações, capacitações, treinamentos, projetos, programas e soluções empresariais, com foco em empreendedorismo e gestão; empresas de alto potencial e potencialização; educação empreendedora; startups; liderança; e ambiente de negócios.

 

Missão, Visão, Negócio

Missão:
Promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos pequenos negócios e estimular o empreendedorismo.

Visão:
Ter excelência no desenvolvimento dos pequenos negócios, contribuindo para a construção de um país mais justo, competitivo e sustentável.

Negócio:
Soluções para pequenas empresas.

Cliente:
Micro e pequenas empresas formais e informais e pessoas interessadas em abrir um negócio.

Valores

Valor Paixão
Valor Compromisso
Valor Coerência
Valor Excelência
Valor inovação

Sedes das regionais do Paraná

Administração

O Sebrae é predominantemente administrado pela iniciativa privada. O Sebrae é uma entidade associativa de direito privado, sem fins lucrativos, instituída sob a forma de serviço social autônomo, com sede e foro no Paraná, vinculada ao Sistema Sebrae e, embora operando em sintonia com o setor público, não se vincula à estrutura pública federal.

Sua receita principal advém da contribuição das empresas, em média 0,6% sobre a folha de pagamento, recolhida pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

A instituição é fruto, portanto, de uma decisão política da cúpula empresarial e do Estado, que se associaram para criá-la e cooperam na busca de objetivos comuns. É por isso mesmo, uma entidade empresarial voltada para atender ao segmento privado, embora desempenhe função pública e tenha sempre em consideração as necessidades do desenvolvimento econômico e social do País.

Pelo fato de administrar verbas decorrentes de contribuições parafiscais e gozar de privilégios próprios dos entes públicos, o Sebrae está sujeito a normas semelhantes às da Administração Pública, sob vários aspectos, em especial no que diz respeito à:

  • observância dos princípios da licitação (moralidade, igualdade, publicidade, impessoalidade, legalidade);
  • exigência de processo seletivo para a seleção de pessoal;
  • prestação de contas aos órgãos de controle externo (TCU, CGU, TCE, auditorias externas independentes).

Este conteúdo foi útil para você?
Sim2
Não0

Este conteúdo foi útil para você?
Sim2
Não0

Ei!? O que você achou deste conteúdo?
Compartilhe sua experiência

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Todos os campos são obrigatórios.




Privacy Preference Center

Diminuir ou aumentar fonte
Contrast