2.3.2 Delivery de tudo

À medida que as compras online foram ganhando popularidade durante a pandemia, a necessidade das empresas em pensar na logística de entrega também aumentava. Esta corrida contra o tempo pode ter sido um tanto estressante para alguns no início, mas atualmente a maior parte do mercado já se adaptou. Por isso, se o seu negócio ainda não implementou esta modalidade nas vendas, fique atento: considerar o delivery na experiência de compra do cliente é tão (ou mais) fundamental para os negócios quanto a presença digital.


Insights

O que você pode fazer:

  • Otimize os processos internos para evitar erros e problemas frequentes com as entregas. Se preciso, contrate empresas parceiras especializadas em UX Design ou Design de Serviços;
  • Invista em criar uma ótima experiência de entrega. Agilidade, transparência, qualidade e personalização de entrega serão grandes diferenciais.
  • Pense no uso correto de embalagens, ou como desenvolver/adaptar a melhor embalagem para o seu produto. Priorize as embalagens que protejam adequadamente o conteúdo que estão transportando e que, ao mesmo tempo, sejam de fácil manuseio para os clientes. Não se esqueça também de dar preferência a embalagens de baixo-impacto para o meio-ambiente (confira mais sobre sustentabilidade na macrotendência
  • 2.4 ECONOMIA DA SUSTENTABILIDADE)

Dados

  • O Brasil é destaque no segmento de delivery na América Latina em 2020. Segundo pesquisa da Statista, empresa especializada em dados de mercado e consumidores, o país foi responsável por quase metade dos números totais do delivery, atingindo 48,77% – seguido pelo México (27,07%) e Argentina (11,85%).
    Fonte: USP; Fonte mencionada: Statista.
  • Uma pesquisa realizada pelo Ifood constatou que 56% dos participantes consome refeições de delivery semanalmente. 14% deles realizam pedidos mais de duas vezes e 18% pedem em média duas vezes na semana. Entre os horários mais procurados pelos consumidores estão o jantar do final de semana (67% dos pedidos), jantar durante a semana e o almoço aos sábados e domingos. 
    Fonte: Meio e Mensagem, iFood