2.1.1 Todos são bem-vindos

Um mundo globalizado e hiperconectado é intrinsecamente diverso e multicultural. A inclusão de grupos minoritários, antes pouco percebidos ou atendidos pela indústria, é uma das grandes exigências do consumidor atual (mesmo daquele que não faz parte destes grupos diretamente). O que se espera é que as empresas se demonstrem, para além de discursos, preparadas na prática para lidar com públicos diversificados, evitando ocorrências de episódios preconceituosos e desrespeitosos. Este posicionamento é tão importante que, mais a frente no Guia de Tendências, trazemos a macrotendência 2.5 INCLUIR PARA PROGREDIR, aprofundando o tema.


Insights

O que você pode fazer:

  • Adapte ou redesenhe sua comunicação, considerando a não-exclusão ou não-invisibilidade destes grupos. Isto pode ser feito tanto através das linguagens oral e textual como através da linguagem visual. Repensar os discursos e ações do seu negócio enquanto posicionamentos da empresa também é importante;
  • Pesquise sobre estes públicos. Converse com a parcela do seu próprio público que está inserida nestes grupos, através de ações ou canais de comunicação, para saber de que forma o seu negócio pode melhor atendê-los. Crie formulários de pesquisa ou entre em contato, diretamente, com alguns clientes para maior aprofundamento.

Vale a pena pesquisar sobre:


Dados

  • A Google afirmou que, até 2025, pretende ter pelo menos 30% dos seus cargos sêniores de liderança compostos por pessoas de grupos minoritários. Fonte: Dafiti + WGSN
  • Uma pesquisa realizada pela EMI Research Solutions, em março de 2021, apontou que 7 em cada 10 usuários adultos de internet na América Latina não se sentem representados na maioria dos anúncios digitais de vídeo que assistem. Fonte: CoolHow; Fontes mencionadas: EMI Research Solutions