Curso EAD Marketing para Pequenos Negocios - Sebrae

Guia de Marketing para pequenos negócios - Curso EAD

Saiba tudo sobre marketing, marketing digital, personas, mídias sociais e muitas outras dicas incríveis para divulgar a sua empresa.

Saber divulgar a sua empresa, os seus produtos e serviços e conhecer o seu clientes são itens fundamentais para o sucesso do seu negócio. Para ajudar você a conhecer tudo o que um empresário precisa saber sobre marketing, o Sebrae disponibiliza de graça, o Guia de Marketing para Pequenos Negócios.

Para participar, basta se inscrever!

Um curso digital formado por vídeos curtos e materiais complementares como check lists, dicas, fichas e ferramentas práticas para você aplicar imediatamente no seu negócio! Veja o que você vai aprender:

1º Capítulo - Para começar

1- Sobre a nossa trilha
2- Como era antigamente
3- Caso de sucesso - Aprenda com o mestre: o cara do fusca
4- Vídeo complementar - O homenzinho azul
5- Vídeo complementar - O visionário
6- Vídeo complementar - Pipoca com guaraná

2- Capítulo - Público Alvo

1- Precisamos falar de alguém muito especial
2- O mapa da empatia
3- Preenchendo o mapa da empatia
4- As personas
5- Construindo personas

4º Capítulo - Metas e indicadores

1- O propósito da sua empresa
2- Preencha o golden circle
3- Metas e indicadores
4- Método smart

4- Capítulo - Marca e identidade visual

1- sua marca, sua empresa
2- Mini guia de marcas
3- Logotipo e design
4- Guia de cores e tipografia

5º Capítulo - Conteúdo, linguagem e formatos

1- Arquétipos
2- Mini guia dos arquétipos
3- Storytelling
4- Mini guia para você ficar craque no storytelling
5- Formatos de conteúdos
6- Dicas para utilizar materiais de divulgação impressos
7- Checklist de impressos

6º Capítulo - O mundo do atendimento

1- Atenda bem o seu cliente
2- Mini guia prova social
3- Whatsapp para negócios

7º capítulo - Canais de divulgação

1- A escolha dos canais de divulgação
2- Sites
3- Google analytics e Google Ads
4- Check list sites
5- Blogs
6- Ferramentas para blogs
7- Mini guia pirâmide invertida
8- Google meu negócio
9- Mídias sociais

8º Capítulo - Facebook e Instagram

1- Facebook - como criar uma página em 5 minutos
2- Facebook - como anunciar
3- Como ver relatórios no Facebook
4- Instagram - Como criar e manter um perfil empresarial
5- Como anunciar no Instagram
6- Instagram - Como ver relatórios
7- Ferramentas para mídias sociais

9º Capítulo - O funil de vendas

1- Funil de vendas
2- Faça o seu funil de vendas

10º Capítulo - Os 3 "CS" de sobrevivência no Marketing

1- os 3 "CS" de sobrevivência no Marketing
2- Todo o material para download!

Fique a vontade para assistir apenas a aula que desejar, mas para ganhar o Selo Mestre em Guia de Marketing para Pequenos Negócios assista todas aulas na sequência sugerida. Boa aula!

Conheça o formato:

Conheça a opinião de quem já participou:

Para participar, basta se inscrever!

 

 

 


Quanto deve as pequenas empresas gastar em marketing digital em 2017 para vender mais?

Hoje, um orçamento de marketing abrange uma série de áreas, incluindo mídias sociais, pesquisa do Google, e-mail marketing e celular. Mas afinal quanto as empresas devem gastar em marketing digital em 2017 para vender mais?

Algumas décadas atrás, o marketing e a publicidade significavam montar quadros de avisos e comprar anúncios de canais de rádio ou TV. Os orçamentos de marketing de uma empresa eram dedicados a produzir esses impressionantes cartazes, panfletos e jingles.

O mundo mudou e se digitalizou. Agora o orçamento de marketing, independentemente do tamanho, deve ser focado em mídias sociais, rede de pesquisa, e-mail e celular.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

Estatísticas do orçamento de marketing digital

E-mail, anúncios em redes socais, buscadores como o Google todos estão crescendo em 2017. Marketing Digital engloba 35% por cento de todos os gastos com marketing, em média, das empresas no ano de 2016. As empresas estão gastando mais e mais dinheiro no meio do marketing digital por causa da percepção de ROI, e a capacidade de gastar menos com mais retorno.

De acordo com a empresa GetResponse , 70% das pequenas e médias empresas disseram que vão aumentar os seus orçamentos de marketing digital em comparação com o ano passado.

Orçamento para canais de marketing digital

De acordo com GetResponse, mídia social, marketing móvel (aplicativos)e e-mail estão na vanguarda do marketing digital gastar este ano. Os outros canais digitais importantes incluem, produção de vídeo, marketing de busca, criação de conteúdo, análise de dados e manutenção do site. Um relatório da Forrester Research, por outro lado, estima que o marketing motor de busca irá capturar a maior parcela de gastos online.

Conclusão

Quanto você deve gastar em marketing digital este ano? Em que canais deve ser gasto? Estas são questões importantes para enfrentar em 2017. Ao tomar decisões para o seu negócio, considere:

  • Os orçamentos de marketing das empresas estão aumentando.
  • Despesas de marketing estão mudando de canais de publicidade tradicionais para canais digitais.
  • Mídias Sociais, marketing móvel, e-mail e marketing de busca representam a parte maior do orçamento de marketing digital
  • Orçamentos totais de marketing gastos pelas empresas estão entre 4 % e 12 % da receita total
  • As empresas de menor porte gastam mais em marketing como porcentagem da receita total
  • B2Cs e empresas online gastam mais em marketing em comparação com B2Bs

 

CONFIRA AQUI AS SOLUÇÕES QUE O SEBRAE TEM PARA O SEU NEGÓCIO


O marketing parou de vender para mulheres ou homens separadamente

O próximo passo no marketing é parar de querer vender para as mulheres ou homens separadamente. As visões tradicionais de gênero estão na cultura da publicidade. Mas o marketing está mudando. Está surgindo um pelo mundo que não devemos estereotipar nada nem ninguém, não existe algo ou alguma coisa para homens ou mulheres, produtos, serviços, esporte, profissão devem ser ambos para homens e mulheres.

Não estou me referindo ao feminismo, mas ao direito do ser humano de ser quem ele quiser, e usar o que ele quiser, comprar o que ele quiser independente do gênero.

A conversa sobre os estereótipos de gênero vem se tornando cada vez mais presente nos meios de comunicação, desde pequenos atos de auto expressão como Jaden Smith que se divertiu com a polêmica de estereótipos de gênero no anuncio da Louis Vuitton anúncio, quando o ator vestiu uma saia, e mostrou uma saia não dita sua masculinidade.

Foto: Jaden Smith na campanha da Louis Vuitton

E quando uma das maiores empresas do mundo, o Facebook, permitiu que os usuários escolhessem entre mais de 50 opções de gênero.

Isso tudo não é apenas uma fase do marketing: quase dois terços das pessoas entre 14 a 34 anos de idade no mundo ocidental dizem que estão empurrando os limites do que significa ser feminino e masculino e 50% deles acreditam que o gênero existe em um aspecto. Este ponto foi recentemente provado cientificamente (veja o artigo aqui): Existem várias maneiras de ser do sexo masculino e feminino… E a maioria destas formas estão completamente sobrepostas.

Em muitas áreas da cultura, as pessoas estão questionando abertamente os papéis socialmente condicionados que homens e mulheres desempenham, e contribuindo para mudanças positivas.

Nos últimos tempos tem havido inúmeras campanhas de marketing voltadas para a mudança das percepções da sociedade tanto de mulheres como de homens.

Quer vender mais? Acompanhe esta mudança cultural mundial e crie produtos ou serviços que não dependam de gênero e sai na frente do novo marketing.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

Segue abaixo 8 anúncios que destroem completamente estereótipos de gênero:

Always

https://youtu.be/mXPSoTB4Uyk

Propaganda do absorvente Always de empoderamento feminino. Porque devemos criar uma versão para ela de um produto?  A campanha #LikeAGirl passa a mensagem que as garotas podem desafiar estereótipos tradicionais.

Nike

https://youtu.be/5c6Wab95JSY

Em algumas partes do mundo, o slogan da Nike, “Just Do It” (Apenas faça) é muito mais fácil ser dito que fazer. A Nike lançou uma campanha no oriente Médio em cima da frase: “O que eles vão dizer sobre você? ” O filme apresenta quatro mulheres do Oriente Médio que alcançaram sucesso pessoal em esportes competitivos e amadores, incluindo parkour, esgrima, boxe e patinação no gelo.

O filme mostra o tipo de questionamento e desaprovação das mulheres em realizar esta atividade. A campanha apoia cada atleta e compartilha sua experiência de continuar a seguir seus corações diante da crítica que se ouve repetidamente a pergunta da família e dos amigos: “O que eles dirão sobre você? ”

É o começo de uma viagem usando o esporte para tirar o gênero da equação, versus usá-lo como uma ferramenta combativa para combater a desigualdade.

Pot Noodle

https://youtu.be/5c6Wab95JSY

A empresa Pot Noodle (tipo de miojo no copo) lançou recentemente um anúncio de TV chamado “You Can Do It” (Você pode fazer). Nos primeiros momentos da propaganda, os espectadores são atraídos para pensar que é a mesma velha história: Algum cara levanta peso e dá socos no ar, tudo na esperança de se tornar um campeão. No entanto, acontece que ele não é exatamente o campeão que você pensou que seria. Assista o vídeo.

Finish

https://youtu.be/rtxAblUNaz0

Pode parecer surpreendente, e quase inconcebível de alguma forma, mas acho que a campanha da empresa finish “Acabe com os Pratos” poderia ser considerada uma das mais progressistas de gênero: ir além da questão de quem deve lavar os pratos e simplesmente passa a mensagem para ambos os sexos, sem esteriotipos.

A grande sacada deste novo marketing é falar com ambos os sexos igualmente, como seres humanos em primeiro lugar, seu sexo é irrelevante. A publicidade tem o poder de liderar a discussão para a igualdade.

Eu sou um ser humano. Mas meu gênero é apenas uma pequena parte de como eu me defino.

Para de tentar vender somente para homens ou mulheres, crie campanhas e produtos voltados para gostos e estilos e não estereótipos.

 

CLIQUE AQUI E DESCUBRA AS SOLUÇÕES EM VENDAS QUE O SEBRAE TEM PARA SUA EMPRESA 

 


Qual a diferença de atendimento ao cliente e experiência do cliente?

Como você trata seus clientes e a experiência que você cria para eles é fundamental para a execução de um negócio bem-sucedido. Mas afinal de contas como saber a diferença?

De acordo várias definições, podemos resumir estes dois termos:

Atendimento ao cliente:

Assistência e aconselhamento prestados por uma empresa às pessoas que compram ou usam seus produtos ou serviços.

Experiência do cliente:

O produto de uma interação entre uma organização e um cliente durante a duração de seu relacionamento. Essa interação inclui atração, conscientização, descoberta, cultivo, defesa e compra e uso de um serviço por parte do cliente.

Atendimento ao cliente é tradicionalmente de propriedade de um único departamento. Esse departamento alcança os clientes infelizes para tentar resolver problemas, hoje em dia as empresas estão tentando ficar além da concorrência e oferecer um serviço de experiência ao cliente.

O atendimento ao cliente é uma pequena parte na equação para determinar a satisfação final do cliente. A experiência do cliente depende de estabelecer relacionamentos reais com clientes que vão além da resolução de problemas e reclamações.

Então, qual deles você deve focar? A resposta certa é: Em ambos. Precisa haver um esforço de 100% em resoluções rápidas através de uma excelente estratégia de atendimento ao cliente. Uma vez que esse objetivo é atingido, sua empresa precisa se concentrar na experiência do cliente.  Esta característica hoje em dia é o diferencial de grandes marcas.

A experiência do cliente refere-se à soma de todas as interações e experiências que os clientes têm ao longo de seu relacionamento com sua empresa. Como as perspectivas se movem ao longo da jornada do comprador e, finalmente, tornam-se clientes, eles irão interagir com vários departamentos de sua empresa que vão desde marketing, vendas e suporte ao cliente / serviço.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

Que ações devem ser tomadas para melhorar a experiência do cliente?

  • Fomentar o engajamento dos funcionários: Fazendo-os entender qual a proposta de valor da empresa. Desenvolver uma cultura focada no cliente dentro de sua empresa, promovendo e recompensando o comportamento orientado a serviços através de treinamento, incentivos e manutenção de um clima de serviço positivo global dentro de sua empresa.
  • Possuir uma estratégia de Marketing de Relacionamento: O serviço ao cliente tem a função de fornecer a melhor experiência possível aos seus clientes quando interagem com a sua marca. Você pode se destacar da multidão, dando alguns passos extras para observar suas preferências e avaliar suas necessidades exclusivas. Um sistema CRM (sistema integrado de relacionamento com os clientes, reúne vários processos\tarefas de uma forma organizada e integrada.  Pode ajudá-lo a analisar as necessidades de seus clientes registrando as preferências do cliente, acompanhando as compras anteriores e o histórico do cliente com sua empresa. Entenda mais como funciona o marketing de relacionamento.
  • Arquitetar um plano para oferecer um serviço ao cliente excepcional: Trata-se de descobrir e agir sobre as áreas de oportunidade da sua organização. Prestar atenção nas redes sociais o que os clientes estão reclamando é um bom termômetro.
  • Capacitar os funcionários: Trata-se de treinar líderes para reforçar os comportamentos certos que suportam a excepcional experiência do cliente. Serviço ao cliente não é mais um departamento. É uma filosofia que deve ser abraçada por cada funcionário em todos os níveis. Faz parte do trabalho de todos.

Entendeu agora a diferença de atendimento ao cliente e experiência do cliente? Embora tanto o atendimento ao cliente quanto a experiência do cliente tenham diferenças, ambos estão ligados entre si e afetam uns aos outros. Prestar atenção a ambos é uma boa maneira de ter sua empresa se destacar da concorrência.

Quer saber mais sobre atendimento ao cliente? O Sebrae tem um conjunto de soluções que oferece a empresários que já consolidaram o básico do negócio a oportunidade de aprimorar sua atuação e sua competitividade.

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRAS AS SOLUÇÕES DO SEBRAE PARA QUEM BUSCA CRESCIMENTO E EVOLUÇÃO DO SEU EMPREENDIMENTO

7 tendências de marketing que irá definir 2017

Não é fácil encontrar maneiras novas e emocionantes de seduzir clientes. Neste mundo dominado pela mídia social, pelo excesso de informação disponível na internet, fica difícil fazer seu negócio, ou sua marca aparecer no meio da multidão. Phillip Kotler, um dos grandes pensadores do marketing, aponta que, diante desse cenário, o marketing 3.0 é o marketing do relacionamento com os clientes. Entenda mais sobre marketing de relacionamento.

Vamos falar neste artigo das 7 tendências de marketing que irá definir 2017.

As tendências de marketing de 2017 ajudarão os comerciantes a envolverem os consumidores de forma mais direta, evitando distrações e aumentando seu alcance de marketing. Essas táticas apelam para aspectos fundamentais da natureza humana. Como tal, eles podem ajudar os comerciantes a criar cuidadosamente campanhas coordenadas e conversas onde marcas e consumidores se fundem em uma experiência compartilhada.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

Mas quais são as 7 tendências de marketing que irá definir 2017:

1. Abrace o marketing de conteúdo.

O marketing de conteúdo é uma técnica de marketing estratégico para criar e distribuir informações relevantes para atrair um público-alvo e estabelecer um relacionamento com os clientes.

Ele pode servir como estratégia primaria para quase qualquer plano de marketing e funciona para todos os tipos de marcas, porque todos usam de forma diferente. A chave é ser consistente, escrevendo diretamente para seu público-alvo. Se seu conteúdo é inteligente, interessante ou engraçado cai nas graças de seu público-alvo.

Se você não acredita no poder do marketing de conteúdo, veja como uma oficina mecânica aumentou em 40% seu faturamento com uma estratégia de marketing de conteúdo.

2. Encontre o seu influenciador alvo.

Estamos agora no meio de uma corrida do ouro para encontrar o melhor influenciador para sua marca. Enquanto “influenciadores” sempre foram um elemento importante no marketing, eles estão rapidamente se tornando uma das formas mais eficazes de alcançar clientes.

Comercialização através de influenciador dá às marcas a oportunidade de criar um relacionamento através das personalidades a quem os consumidores já seguem e admiram. Essas personalidades apresentam um mundo de possibilidades para qualquer profissional de marketing, o suficiente para canalizar seu poder. Quando influenciadores são utilizados de forma eficaz, eles criam maneiras naturais para seduzir um público alvo.

3.Marketing por vídeo.

O vídeo conecta-se imediatamente ao consumidor, transmitindo emoção e uma mensagem que muitas vezes é muito mais memorável do que palavras estáticas em uma imagem.

Mais de 1 bilhão de pessoas usam o YouTube regularmente, um número que aumentou cerca de 40 por cento desde março de 2014.

Facebook entrou em cena em grande forma em abril, quando lançou Facebook ao vivo. A ferramenta coloca as capacidades de compartilhamento de vídeo na ponta dos dedos de todos os que usam a maior rede de mídia social do mundo. Em outubro, o Facebook seguiu com uma campanha publicitária internacional para ajudar a aumentar a consciência de como o novo recurso funcionam.

Todo o conteúdo da campanha foi gravado usando o Facebook Live e um telefone. A demonstração foi uma maneira altamente eficaz para mostrar como o novo recurso permite que qualquer pessoa crie conteúdo, a partir de praticamente qualquer lugar.

4. A Inteligência artificial está mudando nossas conversas por mensagens.

Os avanços na inteligência artificial e programação permitem estas inteligências artificiais responderem às consultas dos clientes em sites. As respostas fazem sentido porque elas são todas baseadas em dados sobre como o cérebro humano funciona.

Este sistema de inteligência artificial que interage com humanos, é chamado “chatbot”.

Se você possui um iPhone, você tem uma inteligência artificial no bolso: “Siri”. A inteligência artificial da Apple usa reconhecimento de voz, um script predefinido e redes neurais de aprendizagem profunda para responder com precisão às perguntas e declarações dos usuários.  A Allo aplicativo de mensagens do Google usa inteligência artificial para interagir com o usuário.

5. Conteúdo social.

Os seguidores Snapchat sabem que há algo sedutor e até mesmo viciante sobre o envio de conteúdo que se auto destrói dentro de um determinado período de tempo. Geração Z vai diminuir o tempo de atenção e as redes sociais farão expirar conteúdo social ainda mais rapidamente. O elemento de urgência através de conteúdo online captura instantaneamente a atenção do usuário.

A premissa é simples: Olhe agora, ou perca a sua chance para sempre. Isso torna o conteúdo atraente e autêntico, também pode ser difícil para os comerciantes aprender a usar. Algumas marcas mais antenadas estão aproveitando o seu potencial e estão se conectando com influenciadores que são hábeis nessa forma de comunicação a a integrar organicamente o conteúdo social em uma estratégia global.

6. Tornar a personalização uma prioridade.

Uma dose diária de sobrecarga de informação tornou as pessoas mais resistentes à publicidade. Os consumidores de hoje podem detectar ações de venda óbvia e eles estão deixando de seguir sites e perfis de redes sociais quando detectam esta publicidade. Segmentação de consumidores em um nível individual permite que os comerciantes passem um conteúdo mais específico, segurando a atenção do consumidor.

Para capturar a atenção de um cliente distraído, os profissionais de marketing devem alcançá-lo com conteúdo personalizado e relevante. Rastrear os hábitos dos consumidores, interesses e histórias de navegação é fundamental para a criação de estratégias para levá-los a fechar a venda ou contratar o serviço.

7. Automatize seus esforços.

Automação de marketing está crescendo a um ritmo impressionante, com 71% das empresas que atualmente utilizam esta tecnologia. A automação de marketing faz exatamente o que o nome sugere, usando plataformas de software projetadas para colocar tarefas repetitivas no piloto automático. Este kit de ferramentas inclui soluções para e-mail marketing, social mídia marketing, SMS e anúncios digitais.

O que sua empresa tem feito para alcançar o público-alvo em ações de marketing? Comente abaixo.

Existem diversas ferramentas e ações que podem te ajudar a divulgar seu negócio. O Sebrae tem uma serie de soluções que podem te orientar nesta fase inicial de sua empresa.

Se você tem uma ideia de negócio e deseja receber orientações para viabilizá-la ou se você tem experiência em trabalhar por conta própria e gostaria de transformar o seu negócio em um empreendimento lucrativo, competitivo e sustentável, o Sebrae pode te ajudar!

CLIQUE AQUI E CONHEÇA AS SOLUÇÕES QUE O SEBRAE TEM PARA VOCÊ


5 Dicas de marketing para fazer sua empresa aparecer na comunidade local

Sua empresa é uma empresa local e acabou de se instalar na comunidade. Como divulgar sua empresa nesta pequena comunidade ou bairro? Você não precisa gastar rios de dinheiro em marketing. Você só precisa de um pouco de criatividade para fazer algo diferente de todos os outros no mercado, estas dicas podem ser a diferença entre o sucesso do negócio e falha de negócios.

Aqui estão 5 dicas de marketing para fazer sua empresa aparecer na sua comunidade local:

  • Participar de eventos locais

    Não é o que você sabe, mas quem você conhece. Participe de eventos de sua comunidade para fazer networking, trocar cartões e divulgar seu negócio. Você nunca sabe se a pessoa que vai conhecer pode virar seu fornecedor ou seu cliente. As comunidades tentem a se ajudar. Faça parte de grupos, associações, reuniões, cursos do Sebrae, rodada de negócios do Sebrae, etc.

  • Patrocinar um evento local ou de caridade

    Patrocinar uma causa faz você se sentir bem para apoiar a sua comunidade e conectar a imagem de sua empresa a causas sociais, ambientais, etc. Além de se sentir bem, você vai conectar sua empresa com a comunidade local. Crie uma campanha de arrecadação de alimentos para alguma entidade local de sua comunidade. As pessoas terão que ir até sua loja para deixar o alimento, trazendo a comunidade para mais perto.

  • Gerir as suas relações públicas

    Jornais, revistas, TVs estão em busca de notícias. Crie releases contando uma história por traz de seu produto que seja interessante como notícia. Ex: Estamos em época de crise? Crie uma notícia relacionada com a crise em que seu produto ou serviço tem relevância (vendendo mais ou ajudando) na crise atual. Mande para jornais e revistas como sugestão de release, junto com imagens e link para seu site. Um comunicado consiste em um texto que tem como função promover alguma característica ou acontecimento de uma organização ou empresa, como uma inauguração, promoção, prêmio conquistado, divulgação de um novo produto, etc. De uma cara de notícia para este texto e não de propaganda.

    Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

     
  • Use a mídia social

    Usando sites de redes sociais como Facebook, Twitter e LinkedIn, produzindo seus próprios vídeos para o YouTube ou escrever o seu próprio blog são métodos criativos de deixar as pessoas saberem sobre você e sua empresa. Vá em frente, divirta-se um pouco.

  • Seminários e eventos de acolhimento

    Crie seus próprios eventos (cursos, palestras) e convidando seus melhores clientes e alguns de seus amigos é uma ótima maneira de conhecer pessoas, se conectar a um nível pessoal e construir relacionamentos profundos.  Além de divulgar sua empresa.

Quer mais dicas de marketing e empreendedorismo para seu negócio? O Sebrae tem um programa que se chama “ Começar Bem” que oferece um conjunto de soluções no formato de palestra, oficina, curso e outros recursos como cartilha, guia visual, aplicativo e vídeo para concretizar o seu sonho de montar um salão de beleza e transformá-lo em um empresário de sucesso!


Como colocar seu negócio gratuitamente no Google

Como colocar seu negócio gratuitamente no Google? Para adicionar as informações de sua empresa ao Google Maps e aparecer nas pesquisas do Google, você precisará criar um perfil de sua empresa na ferramenta do “Google Meu Negócio”.

O “Google Meu Negócio” é um produto gratuito que permite que empresas, artistas, organizações e marcas gerenciem como suas informações aparecem no Google.

O Google Meu Negócio coloca as informações de sua empresa na Pesquisa do Google, no Google Maps e no Google+ para que os clientes encontrem você em qualquer dispositivo.

O Google Meu Negócio não substitui o site da empresa. Ele complementa sua presença na web, ajudando o Google a apresentar informações precisas e atualizadas. Você pode atualizar detalhes do negócio, responder aos comentários dos clientes e ver como os clientes encontram sua empresa no Google.

Sua empresa aparecerá nas buscas conforme imagem abaixo:

Como colocar seu negócio gratuitamente no Google:

  1. Para colocar sua empresa no Google meu Negócio você deve clicar neste link: https://www.google.com/intl/pt-BR/business/
  2. Faça login na plataforma com uma conta Google de sua empresa.
  3. Depois de confirmar a sua conta, certifique-se de que os dados de sua empresa (nome, endereço, telefone) estejam corretos.
  4. Escolha as categorias corretas para sua empresa, e forneça uma descrição exclusiva e envolvente (colocando palavras chaves que seu negócio quer ser achado).
  5. Carregue algumas imagens de alta resolução, adicione seu horário de atendimento e, o mais importante, peça a seus clientes que escrevam depoimentos para sua empresa.
  6. Clique em Enviar.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

Verificação da empresa:

Depois de cadastrado o Google vai verificar sua empresa.

  1. Verificação por e-mail: Enviando um e-mail de verificação e um cartão postal (pelo correio) com um número PIN de confirmação dentro de 1 a 2 semanas. Siga as instruções no cartão postal para confirmar o seu negócio.
  2. Verificação de telefone (disponível para empresas selecionadas). Certifique-se de que você é capaz de atender o telefone como uma mensagem automatizada do Google irá chamar o número de negócios listados. Clique em “Verificar” …  E aguarde alguns segundos para o telefone tocar. A mensagem automatizada lhe dará um PIN.  Digite o PIN e sua conta será verificada!

*imagem do site Google meu Negócio.

Agora coloque seu negócio gratuitamente no Google!

Estas são apenas algumas oportunidades de você conectar seu negócio com clientes potenciais. O Sebrae tem um projeto que se chama Começar Bem, que oferece um conjunto de soluções no formato de palestra, oficina, curso e outros recursos como cartilha, guia visual, aplicativo e vídeo para te ajudar a planejar melhor seu negócio.


Como usar Snapchat como estratégia de marketing em seu negócio?

Snapchat é um aplicativo, criado em 2011 pelo americano Evan Spiegel, que permite aos usuários enviar vídeos (de até 10 segundos) e imagens que se autodestroem depois de serem visualizados por seus contatos. Existe também o recurso chamado “Minha História”, que deixa as imagens e vídeos postados disponíveis para visualização durante 24 horas para seus contatos.

O aplicativo tem mais de 700 milhões de usuários em torno do mundo, o Snapchat ficou conhecido com o “aplicativo dos millenials” por ter 86% de seus usuários com menos de 35 anos. O Snapchat com 32% de envolvimento entre os jovens fica atrás somente do Facebook, com 75,6% e do Instagram, com 43,1%.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

O Snapchat e um dos melhores aplicativos para atingir o público jovem. Se você ainda está hesitando em colocar o perfil de seu negócio no Snapchat, deixe-me mostrar alguns casos de empresas que usaram o Snapchat:

A marca Hennes & Mauritz (também conhecida como H&M) é uma empresa multinacional sueca de moda presente em 41 países com mais de 3000 lojas.  A marca usou o Snapchat para criar uma campanha que juntou o “real” e o “virtual” atingindo o público jovem. A marca H&M criou uma festa exclusiva em uma cidade da Polônia, chamada Boiler Room. Ao invés de vender ou sortear os ingressos, eles criaram um jogo de caça ao tesouro. Os convites foram escondidos nas dependências da loja e as pistas eram dadas por meio do aplicativo Snapchat. O resultado foi que a marca conseguiu mais de mil novos seguidores, 4 mil pessoas descobriram que a loja era patrocinadora da festa, além de cobertura de mídia gratuita por inovar com seu marketing.

O robô interativo Sphero Bb8 da Star Wars utilizou influenciadores (pessoas influentes na internet em redes sociais e blogs) do Snapchat para promover seu novo brinquedo em seu lançamento. Um dos influenciadores que testaram o brinquedo e postaram no Snapchat, foi o americano Shaun McBride, tem em seu perfil 2 milhões de visualizações por dia. Trabalhar com influenciadores no Snapchat é uma obrigação. Eles conhecem seus seguidores e muitas vezes podem ajudar a sua marca criar um divertido e envolvente conteúdo que produzira ótimos resultados.

Mondelez uma empresa internacional de chocolates e biscoitos fez uma campanha usando Sbnachat para aumentar a notoriedade da marca e vender mais. Eles criaram uma um concurso no Snapchat, para entrar no concurso você tinha que tirar uma foto de sua barra de chocolate, modificá-la usando ferramentas de desenho do Snapchat, e enviá-la para a conta do Snapchat da empresa. O vencedor da competição ganharia dez mil dólares. O resultado do concurso foi apresentado no site da empresa. Esta ação aumentou a consciência dos consumidores sobre a marca, criando publicidade e aumentando as vendas.

A campanha oferecia aos participantes um prêmio de US $ 10.000 (dez mil dólares) para o mais criativo “Snap” (post sobre Snapchat). Veja alguns posts acima.

A Prefeitura de Curitiba lançou a campanha chamada Snapchild para alertar sobre o desaparecimento de crianças no Brasil. Em um pequeno instante uma criança pode se perder dos pais e desaparecer. Assim a prefeitura lançou 3 pequenos vídeos no Snapchat, onde uma mensagem aparece junto com a foto de uma criança, que desaparece em apenas 10 segundos.

https://youtu.be/qhL7RSJ2KnU

A Sprite marca de refrigerantes transformou a embalagem do produto para se conectar com seus consumidores. A ação convidava os consumidores a enviarem seus snapcodes (uma espécie de código QR que permite adicionar amigos à rede social apenas apontando a câmera e tocando sobre a tela.) para o site da marca e terem a oportunidade de ver sua conta do Snapchat impressa em milhares de latas de Sprite. A marca fez um vídeo com influenciadores das redes sociais para promover esta ação.

https://youtu.be/lUKGc-liwes

Dicas para usar Snapchat em seu negócio:

  • Divulgue a sua nova conta de Snapchat. Utilize outras redes sociais (Facebook, Twitter) para divulgar a sua nova conta do Snapchat.
  • Crie conteúdo exclusivo para Snapchat. Utilize imagens e vídeos que serão visualizados em no máximo por 10 segundos ou menos.
  • Crie recompensas e cupons de desconto. Você pode utilizar esta forma de recompensa para quem realizar uma determinada ação como por exemplo seguir enviar uma foto ou vídeo utilizando seu produto ou marca, ou uma resposta a um desafio lançado pela sua marca, seguir sua conta, etc.
  • Mostrar os bastidores. Mostre os bastidores de seu evento ou escritório, o lado divertido.
  • Mostre o uso de seu produto. Faça vídeos mostrando os primeiros consumidores usando um novo produto ou marca.

Existem diversas ferramentas e ações que podem te ajudar a divulgar seu negócio. O Sebrae tem uma serie de soluções que podem te orientar nesta fase inicial de sua empresa.

CLIQUE AQUI E CONFIRA AS SOLUÇÕES QUE O SEBRAE TEM PARA VOCÊ E SEU NEGÓCIO


Como empresários estão lucrando com o Pokémon Go e atraindo consumidores

Você já deve ter ouvido falar no Pokémon Go, um jogo de realidade aumentada para iPhone (iOS) e Android. Este jogo já foi lançado em vários lugares do mundo e vai ser lançado no Brasil provavelmente no próximo mês. Só nos Estados Unidos são 65 milhões de usuários.

Várias matérias na internet, jornais e revistas mostram as pessoas fazendo de tudo para capturar criaturas chamadas Pokémon, um jogo que se tornou o primeiro hit mundial, é o aplicativo gratuito mais baixado na App Store nos EUA. As pessoas estão usando este aplicativo mais do que o Instagram e Snapchat.

Como funciona este jogo? Em uma enorme caçada virtual, dispositivos móveis dos usuários vibram quando eles estão perto de Pokémons. Os jogadores então devem jogar uma Pokébola em uma criatura virtual para pegá-la.  O objetivo é pegar todos os 150 Pokémons.

Mas a Nintendo não é a única empresa a ganhar dinheiro com este jogo. Nos Estados Unidos algumas empresas locais estão atraindo clientes Pokémons enlouquecidos, que acabam gastando seu dinheiro nestes estabelecimentos. Esta “Pokeconomia” está revolucionando o mercado.

Quer aproveitar esta onda em seu negócio? Fique atento, assim que liberarem o aplicativo no Brasil, baixe o aplicativo e prepare-se para ser criativo.

Veja abaixo algumas das estratégias que pequenas empresas nos Estados Unidos já estão usando para atrair clientes com o Pokémon Go:

Serviços Turísticos:

Uma empresa do Tennessee que leva as pessoas para passeios turísticos pela cidade, criou um pacote especial Pokémon Go, que leva clientes para marcos específicos para capturar Pokémon ao longo da cidade. A empresa realiza sete tours em 24 horas, cobrando 45 dólares por pessoa.

Usando Pokémon Go para o marketing:

Uma loja de roupas em Utah descobriu que sua localização no jogo era na verdade um Pokéstop. Aproveitou a chance e rapidamente, colocou uma sinalização fora da loja dizendo que era um posto Pokémon, convidando as pessoas a tirarem fotos para rede social, incentivando os jogadores a marcar sua loja nos posts. A loja ganhou publicidade gratuita.

Alguns clientes nos Estados Unidos estão decidindo onde eles vão jantar com base na informação de locais onde tem mais Pokémons.

Usando o tema Pokémon Go:

Uma agência de publicidade em Atlanta, está usando um café para experimentar como a mania Pokémon Go funciona no marketing. O café está localizado entre dois Pokéstops. Como o jogo “atrai” jogadores para as paradas a loja está sendo usada como um centro de apoio aos jogadores. Como o uso do jogo de GPS drena muito as baterias rapidamente, a loja está convenientemente fornecendo 25 estações de carregamento de celular e um pedaço de bolo para os clientes que pegarem um Pokémon dentro de sua loja.

Você também pode oferecer descontos para os jogadores em seu estabelecimento. Na verdade, uma loja na Carolina do Sul estava oferecendo descontos com base no nível de jogadores.

A cozinha do Zoe no Texas ofereceu um cartão de 25 dólares como um prêmio para pessoas que os twittarem fotos de suas capturas de Pokémon no restaurante.

Em Burlington, Vermont, uma padaria está fazendo bolinhos com temas Pokémon para atrair os fãs.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

Atraindo Pokémon Go para seu negócio:

L’inizio, uma pizzaria em Nova York aumentou 75% de suas vendas usando as iscas para atrair Pokémons para seu estabelecimento. Estas iscas servem para atrair Pokémons por 30 minutos. É também uma maneira fácil de atrair clientes.

As empresas estão aproveitando este chamado módulo de isca no jogo, item que pode ser comprado dentro do jogo, para atrair as pessoas para a área.

Diamond Bar na Califórnia está se oferecendo para comprar uma isca desta para cada 15 bebidas vendidas.

Para usar este jogo para sua publicidade a ideia é chamar a atenção dos jogadores deixando claro que você está atraindo Pokémons, coloque isso nos panfletos e cartões de visita, sinalização dentro da loja, pendurando bandeiras, e criando ofertas especiais. Certifique-se de colocar o seu logotipo e o logo Pokémon Go em todos os materiais de marketing.

Pokémon Go é uma tendência em expansão que as empresas não devem ignorar.  Não sabemos se este boom vai ser sustentável por muito tempo, mas as empresas têm que aproveitar enquanto podem.

Quer mais dicas para seu negócio? O Sebrae tem um programa chamado “ Começar Bem” que oferece um conjunto de soluções no formato de palestra, oficina, curso e outros recursos como cartilha, guia visual, aplicativo e vídeo para concretizar o seu sonho de um negócio e transformá-lo em um empresário de sucesso!

Comente abaixo sua opinião sobre o Pokémon Go e como ele pode ser usado para alavancar seu negócio.

Leia também o artigo: ” Como colocar um PokeStop ou Ginásio Pokémon no meu estabelecimento comercial?”


5 Dicas de marketing para fazer sua empresa aparecer na comunidade local

Sua empresa é uma empresa local e acabou de se instalar na comunidade. Como divulgar sua empresa nesta pequena comunidade ou bairro? Você não precisa gastar rios de dinheiro em marketing. Você só precisa de um pouco de criatividade para fazer algo diferente de todos os outros no mercado, estas dicas podem ser a diferença entre o sucesso do negócio e falha de negócios.

Aqui estão 5 dicas de marketing para fazer sua empresa aparecer na sua comunidade local:

  • Participar de eventos locais. Não é o que você sabe, mas quem você conhece. Participe de eventos de sua comunidade para fazer networking, trocar cartões e divulgar seu negócio. Você nunca sabe se a pessoa que vai conhecer pode virar seu fornecedor ou seu cliente. As comunidades tentem a se ajudar. Faça parte de grupos, associações, reuniões, cursos do Sebrae, rodada de negócios do Sebrae, etc.
  • Patrocinar um evento local ou de caridade. Patrocinar uma causa faz você se sentir bem para apoiar a sua comunidade e conectar a imagem de sua empresa a causas sociais, ambientais, etc. Além de se sentir bem, você vai conectar sua empresa com a comunidade local. Crie uma campanha de arrecadação de alimentos para alguma entidade local de sua comunidade. As pessoas terão que ir até sua loja para deixar o alimento, trazendo a comunidade para mais perto.
  • Gerir as suas relações públicas. Jornais, revistas, TVs estão em busca de notícias. Crie releases contando uma história por traz de seu produto que seja interessante como notícia. Ex: Estamos em época de crise? Crie uma notícia relacionada com a crise em que seu produto ou serviço tem relevância (vendendo mais ou ajudando) na crise atual. Mande para jornais e revistas como sugestão de release, junto com imagens e link para seu site. Um comunicado consiste em um texto que tem como função promover alguma característica ou acontecimento de uma organização ou empresa, como uma inauguração, promoção, prêmio conquistado, divulgação de um novo produto, etc. De uma cara de notícia para este texto e não de propaganda.
  • Use a mídia social. Usando sites de redes sociais como Facebook, Twitter e LinkedIn, produzindo seus próprios vídeos para o YouTube ou escrever o seu próprio blog são métodos criativos de deixar as pessoas saberem sobre você e sua empresa. Vá em frente, divirta-se um pouco.
  • Seminários e eventos de acolhimento. Crie seus próprios eventos (cursos, palestras) e convidando seus melhores clientes e alguns de seus amigos é uma ótima maneira de conhecer pessoas, se conectar a um nível pessoal e construir relacionamentos profundos.  Além de divulgar sua empresa.

Quer mais dicas de marketing e empreendedorismo para seu negócio? O Sebrae tem um programa que se chama “Começar Bem” que oferece um conjunto de soluções no formato de palestra, oficina, curso e outros recursos como cartilha, guia visual, aplicativo e vídeo para concretizar o seu sonho de montar um salão de beleza e transformá-lo em um empresário de sucesso!

Clique AQUI e conheça o Programa Começar Bem do Sebrae.

Comente abaixo sua opinião sobre as outras ideias de marketing e como elas podem ser usadas para alavancar seu negócio.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.