Muita gente esperou o carnaval ansiosamente. O principal motivo não foi o feriado prolongado ou as festas e brincadeiras desta época, trata-se de uma data do calendário em que o Brasil começa suas atividades oficialmente. Aquela velha máxima que o Brasil começa somente depois do carnaval infelizmente ainda é amplamente divulgada.

Mas muita gente já está atenta a isso e não perdeu oportunidades. Enquanto alguns param e descansam outros estão ocupando espaços deixados por empreendedores que não pensam no cliente ou na sua empresa e escondem suas fraquezas e falta de entusiasmo atrás de frases que todos aceitam como desculpa, ou seja, que nada acontece até o fim do carnaval. Enquanto alguns choram outros vendem lenço. Não pode mais existir tempo ruim, todo tempo é tempo para vender.

Receba conteúdos exclusivos do Sebrae direto no seu email.

 

Mesmo em mercados com grande sazonalidade o empreendedor tem que encontrar soluções. Conheço um proprietário de uma sorveteria que sempre sofria com queda de faturamento durante o rigoroso inverno de Curitiba. Ele sempre reclamava desta condição, mas a aceitava pois acreditava que por não poder interferir no clima a única solução era aguardar o próximo verão. Quando passou a aceitar que ele deveria mudar esta situação e que não poderia esperar e ficar a mercê do clima teve a grande sacada de seu negócio. Passou a vender sobremesas no inverno, obviamente a base dos produtos continuava sendo o sorvete. Esta simples mudança de pensamento alavancou seu negócio pois a queda de consumo de sorvete no inverno estava ligada a uma questão cultural de que sorvete no inverno faz mal para a saúde, porem sobremesa no inverno não tem problema.

Como podem perceber você pode interferir até no clima (risos). Os negócios nunca param desde que sua cabeça tenha o foco do cliente. Se depois disso você ainda acredita que o Brasil começa depois do carnaval é hora de arregaçar as mangas pois já perdeu 2 meses.

Este conteúdo foi útil para você?
Sim0
Não0

Este conteúdo foi útil para você?
Sim0
Não0

Ei!? O que você achou deste conteúdo?
Compartilhe sua experiência

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Todos os campos são obrigatórios.




Privacy Preference Center

Diminuir ou aumentar fonte
Contrast